Paços municipais de Guimarães




Guimarães, Agosto de 2018

O edifício dos antigos Paços do Concelho sofreu muitas alterações, desde o século XIV, com uma reconstrução, no século XVI, e diversas campanhas de restauro, nos séculos XVII, XVIII e XX. No século XIX, foi coroado por uma escultura, "ao centro da fachada principal, junto das ameias, uma representação proveniente do antigo edifício da alfândega, demolido em 1876". Desde o século XX, teve várias funções, albergando, sucessivamente, o Arquivo Municipal, a Biblioteca da Fundação Calouste Gulbenkian e o actual Museu de Arte Primitiva Moderna.
Está situado no centro histórico da cidade, entre o Largo da Oliveira e a Praça de São Tiago, e foi classificado como Monumento Nacional em 1910.



Sem comentários: